Bioativação de solo é a chave para altas produtividades

Um solo conceitualmente ideal é composto por Minerais 45%, água 25%, ar25% e Matéria orgânica 5%. Estas frações são complementares e igualmente importantes para o pleno desenvolvimento das plantas, consequentemente para a obtenção de máximos potenciais produtivos.

A matéria orgânica do solo é composta por resíduos vegetais e animais, micro-organismos e substâncias húmicas. Mesmo representando a menor fração do solo (5%) é responsável pela retenção de cargas elétricas e disponibilização de nutrientes reciclados (fertilidade), agrega as partículas sólidas do solo promovendo e equilibrando retenção de água e aeração (estrutura), estabiliza o solo quanto as variações bruscas de pH (poder tampão) e permite o desenvolvimento de micorrizas, associações entre pequenos fungos e raízes de plantas, e de vários micro-organismos que irão melhorar a capacidade dessas raízes em absorver água e nutrientes, entre outros benefícios.

De maneira equivalente, as raízes liberam parte do carbono assimilado pela planta na forma de exudados, que entre outras funções, também servem de alimento para micro-organismos do solo. Essa interação benéfica entre solo, planta e micro-organismos é fundamental para a obtenção de altas produtividades e pode ser potencializada pela utilização de bioativadores de Solo.

A Atlantis Agro Science possui em seu portfólio o produto Sollus Full, um bioativador de solo de última geração, que estimula a atividade, o desenvolvimento e o equilíbrio da microbiota benéfica do solo, favorecendo a liberação e disponibilização de nutrientes as plantas. Estimula o metabolismo vegetal com efeito sinérgico no desenvolvimento das raízes e na absorção denutrientes, resultando em plantas mais sadias e produtivas.

Entre em contato com nossos técnicos, franqueados e/ou distribuidores para conhecer e utilizar essa fantástica ferramenta tecnológica.

 

Atlantis Agro Science

“Produzir é preciso, inovar também”.

Veja outros posts

Veja todos os posts